... o amor não deveria ser um sentimento e sim um meio para descobrirmos a vida... deveria ser para os homens assim como são, por exemplo, as asas para um passarinho...

9 Comments:

  1. Alexander said...
    O seu desenho é de grande sensibilidade. Embora eu não tenha familiaridade com imagens, não as conhecendo profudamente, seu trabalho me prendeu a atenção durante minutos, pelos detalhes e riqueza de expressão. Porém, se me permite a crítica, achei que o verso carece de um sentido mais preciso. Pois, ao que parece a qualquer alma mais sensível, o amor é fim, e nunca o meio. Pode-se refletir se é um sentimento ou algo que representa o todo num ser humano. Sim, se pode pensar por aí. Mas nunca uma meio. Uma busca, um fim maior de todo ser humano. O entendimento da vida é consequência disso.
    Rosemary Sanches said...
    Creio nesse amor livre...lendo lembrei-me de uma frase que diz: se você acredita que o tem solte-o, se voltar era seu...
    Ama porque se ama, não tem explicação.
    Ama-se de perto como de longe...
    O amor é benigno, calmo.
    Nada se cobra...
    Analuka said...
    Imagens e letras dizem, suscinta e densamente, tudo o que considero fundamental! Abraços alados.
    Janaína said...
    O amor não como um sentimento, mas como um meio de libertação...
    Seria realmente o ideal!
    Na verdade precisamos sentir de uma forma diferente, sentir de uma maneira transbordante... De uma maneira em que os sentimentos não fiquem aprisionados dentro deles mesmos e terminem ali!
    Precisamos amar "pro lado de fora", dar asas... É, como um passarinho!
    Adorei esse!
    ro_tikhomiroff said...
    O amor deveria mesmo ser tal qual um passarinho e ter liberdade para voar, mas nem sempre é assim... Há quem prenda suas asas, aprisionando-o em gaiolas, há quem se sinta dono do Amor.
    Eliene said...
    Perfeito o texto e a imagem..Concordo plenamente com a idéia proposta: de fato, o amor não deveria ser só um sentimento...
    vall duarte said...
    ...mesmo os passarinhos, precisam descobrir q têm asas...são necessárias algumas aulas de vôo!

    Descobrem quando caem...
    Kátia said...
    Amor...
    Sempre procuramos explicações, justificativas, porém muitas vezes acabamos nos esquecendo de simplismente "Sentir".
    Sem
    explicações,justificativas,métodos,basta deixarmos ele se manifestar nas suas infinitas formas, maneiras....

    Beijocas a todos..
    letras&letras said...
    Quanta interpretação em poucas palavras....isso é a arte da poesia.

Post a Comment




Copyright 2007 | Projeto Reticere