Entre o explicável
E o não dito
Entre os dedos
E o que fito
Entre o longo do tempo
E o infinito
Entre o palpável
E o que sinto
Entre o amável
E o compreendido
Entre o distanciável
E o que aproximo
Entre o interminável
E onde findo
Entre o abominável
E o lindo
Eis que surge, alma, corpo, sorriso
Seu doce espírito
.

45 Comments:

  1. Anônimo said...
    emocionante :)

    Cris.
    bruno said...
    entre um texto e um desenho, eis que surge a explicação!
    Rafael Terra said...
    Um blog muito lindo! Parabéns!
    Cecília - Ciça said...
    Tô muito empolgada com tudo isso aqui!!
    Adorar tudo, achar tudo lindo, rico, inteligente... é pouco!!
    Desenhos, textos... ai ai...
    INCRÍVEL!!!
    Priscilla Milena said...
    Muito bom, PARABÉNS!
    Posso colocar no meu profile do orkut? Com os devidos créditos é claro!
    Múcio L Góes said...
    belo poema, com um jogo de palavras interessante. como gosto muito de rima rica, esperava algo mais do final, mas, de toda forma, gostei!

    parabéns!

    []´s
    Rosemary Sanches said...
    Lindas poesias!
    Vou afogar-me,
    mergulhar,
    deixar falar
    o espírito e a alma do poeta
    tocando e mexendo com minhas emoções
    meus sentidos...percebendo cada imagem...cada palavra...cada pensamento...que nesse momento se faz
    vivo, presente.
    Com todo o meu carinho digo que está sensacional...muito bonito...parabéns!
    Aureni Sá said...
    Que belo texto! Conteúdo e estrutura em sintonia.Observei que as palavras compõem o desenho de uma silhueta. A ilustração da Cris também tem tudo a ver. Parabéns!
    Lud said...
    ...e faz tudo valer a pena!
    Assim é o amor!
    Legal esse poema.
    taty_psique said...
    Parabéns! Belos textos, muito bem escritos =)
    said...
    achei todo o blog maravilhoso, essa em especial achei linda, tocante
    parabéns
    Livinhaa said...
    Sim, esse poema mostra a sutileza do apaixonar-se...
    Do envolcer-se...
    Sentir..
    Lindooo
    Como toda forma de arte!!
    bruno said...
    isto aqui tá pop mesmo!

    populado hein!?

    esses 3 marotos vão longe...
    Gra (http://tianeelela.zip.net) said...
    Quando eu soltar a minha voz por favor, entenda
    Que palavras por palavras eis aqui uma pessoa se entregando
    Coração na boca, peito aberto, vou sangrando
    São as lutas dessa nossa vida que eu estou cantando
    Quando eu abrir a minha garganta, essa força tanta
    Tudo que você ouvir, esteja certa que eu estarei vivendo
    Veja o brilho dos meus olhos e o tremor das minhas mãos
    E o meu corpo tão suado, transbordando toda raça e emoção
    E se eu chorar e o sal molhar o meu sorriso
    Não se espante, cante que o teu canto é minha força pra cantar
    Quando eu soltar a minha voz por favor entenda
    É apenas o meu jeito de viver o que é amar

    Gonzaguinha......não sei pq lembrei dessa música qdo li esse poema. Acho q tô andando muito com Cris Alcântara, minha amiga, minha parceira do "Tiane e Lela".......tô ficando romântica.....Parabéns pelo blog! Estou conhecendo agora, a Cris q me contou, estou me ingressando nesse mundo de blogs......escrever p/ mim, antes era só passatempo, mas tenho cada vez mais me apaixonado pela arte. Abraços! Gra
    Luiz(Ju) Constancio said...
    Muito bom o texto...
    Uma simplicidade que o faz parecer ainda mais especial...
    Parabens!
    Aguardo a visita de vocês pelo meu blog! Até a próxima!
    Rose Stteffen said...
    Perfeito! Amei te ler. Bjs, Rose
    Marilene Tavares said...
    Delicioso,sensivel, maravilhoso.
    beijo no coração
    Aline said...
    Oi rapazes!!!

    Adorei os textos!!!
    Com certeza vou estar sempre por aqui!
    bjux
    Ylê said...
    Nossa..faltam até palavras para descrever o q eu senti quando li isso !

    simplesmente lindo !
    Michelle said...
    Parabéns!!! Vocês são muito bons, bons não, excelentes!!!
    O texto, o uso das palavras, o desenho... perfeitos!!!
    Pri =cP said...
    Adorei o blog..Está muito lindo...Os poemas são ótimos...As ilustrações fantásticas...Parabéns!!!
    Bjinhos
    Tudo de bom para vocês...
    Analuka said...
    Hummm!... e o entrelugar é, exatamente, o inexato espaço azulado que eu mais gosto!... Grata pelo convite, pousarei outras vezes por aqui. Abraços alados.
    said...
    Belas poesias

    Jogos de palavras perfeitos!
    Brincadeira com a língua portuguesa tão rica e maravilhosa...

    Beijos
    Bruna said...
    Nossa! A sintonia das palavras e a leveza dos versos me fazem sentir toda a ternura da sua poesia. Parabéns! ;*
    (¯`·.¸¸.->.°Ale Bonita Applebum said...
    explicação de um momento inexplicável
    Ana Gotz said...
    Que delicia!
    Cáh said...
    Maravilhoso!
    Amei...Parabens!
    Elcio Domingues said...
    Poema genuíno e lindo!

    Parabéns!

    Abraços.

    Elcio Domingues.
    Lucilia said...
    Combinação perfeita!
    Texto e desenho se encaixam...e o fim...nos faz pensar muito no depois...
    Vivian Bandeira said...
    Meus parabéns pelos responsáveis por este blog, poucas vezes vi tanta dedicação e tanto empenho em algo assim na internet.

    Lindos poemas, mentes brilhantes!
    Vivian Bandeira said...
    Correção :

    **Meus parabéns para os responsáveis por este blog,
    Aricia said...
    Organizado, criativo, lindo!
    Estão de parabéns!
    SoL said...
    *
    Composição perfeita...
    Parabéns!!!
    Bjs
    Sandra
    kazinha said...
    que completude esse blog!!!
    motivos_10 said...
    a composição deste texto está muito agradável. obrigado por compartilhar
    Comunicacao Inteligente said...
    Fantástico!
    Lia said...
    Parabens muito lindo, tanto as obras visuais como as auditivas
    Gi said...
    Lindo..lindo esse poemas tem vida!


    Completo ilustra com um tom singelo
    muito bem mesmo! Gi
    Michele said...
    Perfeituuuu =]
    susie soares said...
    lindo texto...a vida é paradoxal mesmo... é bela e horrenda. Grande abraço. http://www.susiesoares.blogspot.com
    Kátia said...
    Obrigada pela oportunidade em desfrutar desse universo de letras carregadas de significados, emoções, frustrações e verdades que enfrentamos no nosso cotidiano, e que são inseparaveis no nosso processo de reflexão e crescimento.

    Já sou Fã.....
    Beijocas no coração de cada um.
    Regiane Roque said...
    AMEI... particularmente tocante!

    parabéns!
    Regiane Roque said...
    AMEI... particularmente tocante!

    parabéns!
    Meg said...
    Texto e imagem... perfeitos...
    Meu nome é Márcia Dupim. said...
    Completo!

Post a Comment




Copyright 2007 | Projeto Reticere