Na espera do tempo, depois que caiu o último grão do meu relógio de areia,
Percebi que o amor é o fôlego da vida e que a vida é a virada da ampulheta!


11 Comments:

  1. KARLA said...
    MARAVILHOSO!!!
    Carol said...
    "...o amor é o fôlego da vida..."

    Fiquei até sem palavras depois dessa parte.
    sandra-pramerevelar said...
    " e que a vida é a virada da ampulheta" Magnífico...
    Adorei ouvir Cantiga de Maio ( "Tire o seu casaco de crochê")
    bjs e parabéns!
    Sandra Duarte
    Suspiro de uma mariposa apaixonada said...
    perfeito!
    Vâmvú said...
    Que lindo isso!
    Maravilhoso!
    Abçs
    Shirlei Leandro said...
    Este comentário foi removido pelo autor.
    ANa said...
    e que essa virada só se faz por restar este fôlego.
    mto bomm!
    ise said...
    Infelizmente ainda esperamos que o tempo nos mostre o quanto o Amor é a razão do viver;não o amor posse, o amor na visão paixão, o amor somente matéria, enfim, o amor doente!!!
    Falo do Amor ternura, amor companheiro, amor que traga a alegria real de estar vivo, enfim, do amor que revigora!!!

    Se a vida é a virada da ampulheta; que portanto é o tempo por qual todos passamos, que possamos então traçar um caminho com o fôlego que é o amor!

    Ise*
    Patricia said...
    muito digno o amor msm,nos faz respirar a vida mais leve! adorei!
    Anônimo said...
    o que comentar , senão que todos os dias quando acordo .. viro a ampulheta ?? é quando percebo , que nada retorna ..tudo continua no seu lugar cativo .. sem pressa de mudar ..
    lindo gleu!!!!
    Wellita said...
    Que graça!

Post a Comment




Copyright 2007 | Projeto Reticere